Ele foi simplesmente fraco” Disse Temístocles.

O ex-prefeito de Conde- PB, o senhor Temístocles Ribeiro, anfitrião e líder do clã Ribeiro, fez uma reunião com sua família nesta sexta 23/03/12 na cidade de Conde, momento em que o nome de sua filha Sandra Ribeiro deveria ser lançado como pré-candidata à prefeita de Conde pelo PTC, com a presença do presidente estadual da sigla, o senhor Olívio.
Para o desgosto da família Ribeiro o presidente da estadual não compareceu ao evento, um verdadeiro transtorno político para Sandra, que esperava com muita ansiedade por este momento, pois o presidente Olívio já teria dito em outro portal que o PTC de Conde estaria sem diretório e estava desarrumado, mas que nesta reunião de Sexta 23/03, ele estaria comprometido a vir ao Conde para lançar o nome de Sandra como pré-candidata pelo partido, segundo ela.
  
Com a ausência de Olívio e a frustração da família Ribeiro, Temístocles começou a dar alguns esclarecimentos dos bastidores políticos da cidade, narrando fatos surpreendentes, inclusive o porquê da ausência de Olívio.
CRÍTICAS:
Temístocles criticou o atual prefeito de Conde e falou que o município é um município pobre, onde o prefeito estaria fazendo viagens à Europa com muita gente, e que se o seu sucessor fosse eleito, seria eleito mais pelas desgraças do povo de que por seus méritos políticos, aonde ele revela que o prefeito fala em alto e bom som que ganha à campanha porque ele compra.
Temístocles disse que o conde vive em permanente atraso e atolado nas drogas, sem políticas voltadas para a juventude. Ele revela ainda que sofreu perseguição política ao ponto de ser proibido de se candidatar novamente, mas também revelou fatos da atual gestão onde o atual vice-prefeito Quintino Régis teria sofrido uma imputação pelo TCE (tribunal de Contas do Estado) com débitos de (1,2 milhão) um milhão e duzentos mil reais.
BASTIDORES:
Temístocles destrinchou os bastidores da política condense narrando que estão querendo contrariar a candidatura da pré-candidata Sandra Ribeiro, causando um problema de ordem partidária.
Com a candidatura de Quintino Régis e Tatiana Correia, a família Ribeiro está vendo que estão tentando bloquear uma terceira via, uma terceira candidatura ou um terceiro nome, para mais uma opção na política condense.
SURPREENDENTE:
Temístocles revela que o atual prefeito de Conde teria feito uma viagem à Europa com Nonato Bandeira (atual pré-candidato do PSB de João pessoa) e que tal viagem teria gerado uma boa comunhão entre eles, o que levou o prefeito de Conde a nomear a esposa de Nonato em um cargo de chefia de gabinete na prefeitura municipal de Conde, com salário não revelado, o que estria gerando uma situação quase que insustentável para o PTC condense, onde o presidente Olívio teria sofrido pressões por parte da prefeitura de Conde e de líderes do poder estadual para não comparecer na reunião da sexta com a família Ribeiro na cidade de Conde.
Temístocles revelou que o presidente Olívio teria dito que Sandra era muito jovem para ser prefeita e que já estaria decidido que ela seria a vice-prefeita de Quintino, porque já teria havido um entendimento entre o prefeito e o governador. 
O líder do clã Ribeiro revelou que iria continuar no grupo por sentir que o Conde precisa de uma terceira via, onde a família Régis já estaria ultrapassada e que o partido teria como fazer a escolha na convenção.
O presidente do PTC, o senhor Olívio não compareceu a reunião proposta pela família Ribeiro por medo ou pressão? A quem ele deve satisfações para não comparecer neste evento? E que falta de interesse é este, em não ter interesse em lançar um nome pelo seu partido? São questionamentos que o povo condense ficou a discutir após a reunião com a família Ribeiro. VEJA OS VÍDEOS:

 Redação/Conde News