Warley e Potita fizeram sucesso no Campeonato Paraibano deste ano marcando 33 gols da Raposa. Rubro-Negro encara o Baraúnas no domingo


Muito do sucesso do Campinense no Campeonato Paraibano passou pelos pés da dupla Potita e Warley. Os dois homens de frente se entrosaram rapidamente e foram responsáveis por nada menos que 33 gols da Raposa - 22 de Warley e 11 de Potita.
A boa fase fez a torcida sonhar com o mesmo entrosamento na Série D. Mas uma contusão no púbis afastou Potita de quase toda a intertemporada. Ao mesmo tempo, o futebol de Warley caiu e, o antes intocável atacante, começou a ser questionado pelos torcedores.
Potita comemora o gol contra o Paraíba (Foto: Magnus Menezes / Jornal da Paraíba)Potita comemora gol contra o Paraíba na primeira fase do Estadual
A volta do “Fórmula 1 da Bela Vista” foi na partida contra o Ypiranga, na segunda rodada da Série D, quando formou por alguns minutos a dupla consagrada com Warley.
Já na partida contra o Horizonte, na rodada passada, Potita voltou a entrar no segundo tempo, mas aí Warley não estava em campo - o W9 fora poupado pelo técnico Freitas Nascimento.
Agora, contra o Baraúnas, a expectativa é ver a dupla em campo desde o início do jogo. Nos treinos da semana, Freitas já deixou claro que essa é a tendência, o que deve ser confirmado no coletivo desta tarde.
gol de warley do campinense (Foto: Leonardo Silva / Jornal da Paraíba)Warley foi o artilheiro do Paraibano marcando 22 gols
Warley não vê a hora de voltar a atuar com o camisa 11, mesmo reconhecendo o talento de Eduardo Rato e Anderson Oliveira, com quem formou dupla nos últimos jogos. Sobre a contusão na coxa, o artilheiro do Paraibano diz que isso não é mais problema.
- As dores na coxa desapareceram e estou pronto para a partida importante de seis pontos contra o Baraúnas, onde espero ajudar nosso time a buscar a vitória, quem sabe voltando a marcar um golzinho - disse W9, que marcou pela última vez em um jogo oficial na vitória por 4 a 0, diante do Sousa, na final do Paraibano.