Em entrevista ao radialista Luiz Cláudio, Prefeito de Conde nega que tenha ameaçado motorista de carro de som com arma

O prefeito do município de Conde, Aluísio Régis negou as informações veiculadas no portal PBAgora, onde é acusado de ameaçar um motorista de carro de som com uma arma. Segundo Aluísio, o carro de som da candidata Tatiana Correa (PT do B), estava no Centro da cidade veiculando músicas e mensagens que denegriam sua imagem como prefeito e como pai de família. "Recebi ligações de pessoas revoltados com o conteúdo veiculado pelo carro de som da candidata do PT do B, esse rapaz parou em frente ao nosso comitê e ficou colocando músicas e mensagens vergonhosas que denegriam a minha imagem como gestor e como cidadão, para evitar uma confusão maior, fui até o local e pedi que o rapaz deixasse o lugar e me entregasse o pen drive com as músicas, com a negativa do motorista, eu que estava na porta do carro, tirei o  pen drive e fui embora, em nenhum momento ameacei ninguém e muito menos estava com arma em punho, tinha muita gente presente que viu e pode confirmar isso, se eu estivesse armado, seria o primeiro assumir meu ato, pois não sou homem de me acovardar", declarou o prefeito.

Ainda de acordo com Aluísio, o pen drive com as músicas e mensagens contra sua pessoa foram entregues aos seus advogados que irão entrar na justiça com uma representação contra a candidata a prefeita, Tatiana Corrêa.

"Meus advogados entrarão na justiça ainda hoje com uma representação contra essa mulher que joga baixo e me ataca descaradamente, mesmo sem eu ser o candidato.Ela está desesperada pois a derrota está próxima para ela e com a orientação de um ex-assessor de comunicação do Conde, que queria passar a vida toda recebendo dinheiro da prefeitura sem trabalhar, cria factoides sem fundamento. Esse assessor todos sabem quem é, ele é que coloca essas matérias mentirosas contra mim no PB Agora", finalizou o gestor condense.

J1/Blog do Luiz Cláudio