Advogado de 35 anos teve uma fratura no punho e um ferimento na cabeça. Homem se distraiu ao atravessar anel externo do Parque Solon de Lucena.

Um advogado de 35 anos foi atropelado por um ônibus por volta das 12h30 desta segunda-feira (19), no Parque Solon de Lucena, no Centro de João Pessoa. De acordo com o técnico socorrista do Samu, Bezerra, o advogado teve uma fratura no punho e um ferimento na cabeça, mas estava consciente. O homem atropelado será levado para o Hospital de Trauma, em João Pessoa. De acordo com testemunhas, o advogado se distraiu no momento em que atravessava o anel externo da lagoa do Parque Solon de Lucena. O motorista ainda tentou desvia, mas atingiu o homem de 35 anos. O acidente aconteceu próximo a Avenida Diogo Velho, no Centro da capital.  (Foto: Walter Paparazzo/G1)

Um advogado Carlos Magno de 35 anos foi atropelado por um ônibus por volta das 12h30 desta segunda-feira (19), no parque Solon de Lucena, no centro de João pessoa. De acordo com o técnico socorrista do Samu, bezerra, o advogado teve uma fratura no punho e um ferimento na cabeça, mas estava consciente. o homem atropelado foi levado para o hospital de emergência e trauma, em João pessoa. De acordo com testemunhas, o advogado se distraiu no momento em que atravessava o anel externo da lagoa do parque Solon de Lucena. O motorista ainda tentou desviar. O acidente aconteceu próximo à Avenida Diogo velho, no centro da capital.  
J1(Foto: Walter Paparazzo/G1)