Suspeito toma arma de policial e atira em dois militares no Brejo paraibano


Acusado pelos disparosDois policiais militares que integram a Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam) do município de Guarabira, no Brejo paraibano, foram baleados após ter uma das armas roubadas durante abordagem. Os soldados Luciano José Borges e Emanoel Messias Carvalho, ambos de 28 anos não correm risco de morte.
De acordo com a Polícia Militar, os policiais estavam fazendo uma varredura no bairro do Cordeiro, quando perceberam Marcos Antônio Severino, conhecido como 'Jubira', 23 anos, em atitude suspeita. Os militares o perseguiram e um dos policiais conseguiu imobilizá-lo.
Numa distração do policial, o jovem conseguiu pegar uma das armas e efetuar um disparo em Emanoel Messias. Quando o outro policial foi reagir aos disparos, também foi baleado pelo suspeito no abdômen.
Os policiais foram socorridos para o hospital da cidade, mas transferidos para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. De acordo com o boletim médico, eles continuam internados em estado regular e não correm risco de morte.

Jovem embriagado colide com carreta e morre na hora

O auxiliar do produção morreu na horaUma tragédia chocou os moradores do bairro das Indústrias, na Capital, na noite deste domingo (18). O auxiliar de produção, Bruno da Silva Lima, 21 anos, morreu após colidir em uma carreta.
De acordo com informações da Polícia Militar, Bruno pilota uma motocicleta pela contramão quando bateu em uma carreta que estava estacionada em local proibido.
O jovem foi parar embaixo do veículo e morreu na hora. Familiares que compareceram ao local informaram que Bruno passou o dia bebendo e estava com o teor alcoólico acima do permitido.

‘Terror da feirinha’ é assassinado a tiros após ser perseguido por homens de moto

Um jovem de 22 anos conhecido como o ‘terror da feirinha’ foi morto a tiros na noite deste domingo (18), no bairro de Mangabeira, em João Pessoa.  Maicon Wesley de Araújo Rodrigues, conhecido como ‘Fel’, estava sendo investigado por envolvimentos em diversos homicídios na zona sul da cidade.
De acordo com o Centro Integrado de Operações da Polícia Militar (CIOP), a vítima estava na companhia de duas mulheres em uma motocicleta quando foi perseguido por dois homens em uma moto.
Maicon Wesley ainda tentou fugir da dupla, porém, foi alcançado e morto com cinco disparos de arma de fogo. Um das garotas ficou ferida na mão durante os tiros e foi socorrida para Hospital Ortotrauma.
Ainda segundo a Polícia Militar, Maicon foi preso no último dia 12 deste mês de posse de um revolver calibre 38, após um homicídio.
PEDRA NO CAMINHO: Bombeiro civil morre atropelado na BR 230
O bombeiro civil Luciano Augusto Ribeiro Ferreira, 22 anos, teve a cabeça esmagada por uma carreta por volta das 19h, deste sábado (17), na BR 230, nas imediações do Corpo de Bombeiros, em João Pessoa.
Segundo a PRF, o bombeiro conduzia uma moto Fan 150 vermelha com placa de Bayeux sentido João Pessoa/Bayeux perdeu o controle do veículo ao bater em uma pedra na pista e caiu. Uma carreta passou por cima da moto, esmagando a cabeça da vitima.
O motorista da carreta foi levado para o posto da Polícia Rodoviária Federal, em Bayeux, para prestar depoimento sobre o trágico acidente.
Motoristas reclamam constantemente que naquele trecho da BR 230, até o posto da PRF a iluminação é péssima, o que dificulta a visibilidade.
 Sargento do Bope e mais quatro são assassinados em Campina Grande
A noite de ontem em Campina Grande foi marcada pela violência. Cinco pessoas foram assassinadas, entre elas um sargento do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (BOPE).
 
O sargento Jefferson foi morto por volta as 20h durante um confronto com suspeitos de terem cometido horas antes o assassinato de Sérgio Paulo Santos, de 28 anos, no Bairro do Mutirão.
 
De acordo com informações do coronel Sousa Neto, um trabalho feito pelo serviço de inteligência localizou os suspeitos do crime comemorando o assassinato de Sérgio Paulo em uma casa no mesmo Bairro.
 
Equipes em seis viaturas do Bope e três da Força Tática foram até o local e formaram um cerco aos suspeitos. Na troca de tiros, o sargento Jefferson foi baleado. Ele ainda foi levado para o Hospital de Trauma de Campina Grande, mas não resistiu e morreu.
 
Após o cerco policial dez pessoas foram detidas, entre elas dois menores foram apreendidos. Eles foram encaminhados para a delegacia onde foram autuados e prestam depoimento. A determinação do coronel Wolgrand, comandante da Companhia de Policiamento Regional -Área 1, é de que o policiamento continue ostensivo nos Bairros do Mutirão e Pedregal.

Mais duas pessoas foram assassinadas no Bairro de Bodocongó. A primeira delas foi por volta as 22h. Dois homens em uma moto preta executaram num bar um homem conhecido como JOão de aproximadamente 25 anos. Cerca de meia hora depois, no mesmo Bairro, Francisco José Cirino, de 29 anos, foi executado por dois homens que chegaram de moto na casa da vítima, na Rua Serverino Ramos Freitas, e após uma discussão, os bandidos dispararam oito tiros em Francisco que morreu no local.

 
Na Feira Central de Campina Grande, mais uma homicídio registrado pela Polícia, Ubiratan Soares Amorim, de 36 anos, foi assassinado a tiros e facadas em plena rua. A vítima ainda foi socorrida para o Hospital de Trauma mas não resistiu e morreu.
Banhista morre afogado na Praia de Tambaú, em João Pessoa
Um banhista morreu afogado no início da tarde deste domingo (18) na Praia de Tambaú, em João Pessoa. A vítima ainda não foi identificada porque estava sozinho e sem documentos.
  Testemunhas contaram que o homem estava bebendo em um bar na Orla e resolveu entrar no mar para tomar banho e acabou se afogando.
  O Samu ainda foi chamado para tentar socorrer a vítima mas ela já estava morta.
Usuário de drogas é executado com cinco tiros no Cristo
Alisson dos Santos Lima, 25 anos, foi executado com cinco tiros na noite deste sábado (17), em frente da casa onde morava.
O crime aconteceu na Rua Fernando Cunha Lima, no conjunto Bela Vista no bairro do Cristo.


Segundo informações policiais, Alisson estava sentado com algumas pessoas na frente da residência onde acontece o velório do avô, quando dois homens chegaram em uma moto e o carona efetuou vários disparos contra ele, que foi atingido com cinco tiros.


A vitima era usuário de drogas e já havia sofrido um atentado no inicio do ano, onde dois amigos foram assassinados na mesma rua.

Ainda conforme a policia, o homem havia sido intimado para depor na próxima quarta-feira (21) sobre o duplo homicídio que testemunhou, que aconteceu também no Cristo Redentor.

 
A pericia foi realizado por Herbert Bozon, sob os olhares atentos do Delegado Braz Morrone, d delegacia de homicídios.