No local impera a lei do silencio. O delegado de homicídios Dr. Pedro Ivo, deu inicio as investigações para elucidar o crime.
   
O ex-presidiário Josivaldo da Silva Pereira, 25 anos, que morava na Rua Monte Horebe, no bairro do Valentina de Figueiredo, foi executado com três tiros na cabeça na noite desta quarta-feira (12).

O crime aconteceu na mesma rua onde morava Josivaldo, que estava em uma cadeira de rodas, já que ficou paraplégico após ter sofrido um atentado há sete anos passado.

A vitima apesar de viver em uma cadeira de rodas, era tido como “terror”, na comunidade onde morava, inclusive, há informações que ele costumava usar uma espingarda calibre 12 serrada.

A policia não soube informar quem matou o ex-presidiário. No local impera a lei do silencio. O delegado de homicídios Dr. Pedro Ivo, deu inicio as investigações para elucidar o crime.

Populares que souberem de alguma informação que possa esclarecer esse homicídio, ligar para 197, não precisa se identificar.

ATENÇÃO
Se algum parente de vítima se sentir ofendido com as fotos publicadas no 190pb, por favor entre em contato conosco através do telefone (83)8866-9195 ou pelo email contato@190pb.com.br solicitando a retirada das fotos do site, em um prazo de até 24hs excluiremos as fotos em definitivo.