Com cartazes e faixas espalhados nas janelas e principais acessos do conjunto os moradores falam no nome de Carlos Manga Rosa e Tâninha Pimentel

Mais um capitulo da novela; INVASÃO do conjunto Ademário Regis  foi escrita na manhã de hoje em Jacumã.

Os moradores que invadiram as casas do conjunto  Ademário Regís, enfeitaram as portas e janelas das casas com cartazes e faixas com palavras de cobranças aos vereadores eleitos e já diplomados Carlos Manga Rosa, e Tânia Pimentel.

Com palavras escritas como: CADÊ MINHA CASA! NÓS VOTAMOS EM VOCÊ! COVARDES! VOCÊ APODRECEU! VOCÊ NOS TRAIU. Os invasores deram um clamor sobre as tão comentadas casas do conjunto Ademário Regís

Entenda o Caso:

Está tramitando na Justiça uma ação movida por dois suplentes a vereador, Leo Carneiro (PMDB) e Fernando Boca Loca (PDT) que ingressaram com pedido para que os vereadores eleitos Carlos Manga Rosa e Tânia Pimentel (PMDB) não assumam o mandato em face de possíveis irregularidades no pleito.

 Consta na denúncia, cuidada pelo advogado Souto Maior Filho que os dois parlamentares teriam prometido na época de campanha casas populares para os eleitores e após a vitória, não cumpriram com o combinado, o que ocasionou a invasão de moradias na praia de Jacumã, no conjunto Ademário Régis.

Os suplentes pedem a cassação do diploma e dos mandatos dos vereadores. Segundo o advogado, em seis meses os suplentes devem assumir as vagas dos parlamentares sob júdice. Inclusive, segundo ele, vários eleitores estiveram no Fórum para denunciar o caso.

O que dizem os dois vereadores:

Durante uma confraternização dos vereadores ocorrido ontem à noite na Pousada do Zecas em Jacumã, os parlamentares disseram que muitos falaram que eles não seriam diplomados e foram, “agora tão dizendo que agente não assume e se assumir não passaremos de seis meses” disse Tâninha e Manga Rosa.

Em seus discursos para os demais presentes na festa os vereadores eleitos disseram está confiante com mais essa batalha e que conserteza a vitória será deles assim como foi no processo da não diplomação. 
Manga Rosa por sua vez disse no encontro ele foi eleito pela vontade de Deus e do povo, ele disse ainda são muitos os que querem derruba-lo junto com sua companheira de partido Tâninha Pimentel. Ele finalizou dizendo que a vitória será deles por que os mesmo acreditam na justa de Deus e na dos homens.


Diante desses tumultos não param de chegar caminhões de mudanças com novos invasores na tão requisitadas casas do conjunto Ademario Regís.
 
Sobre as faixas no conjunto, nossa redação vai continua tentando contatos com os parlamenteares para que os mesmos possam dar sua versão sobre o assunto.


Resta agora saber qual será o próximo capitulo dessa novela que pelo jeito ainda está longe de terminar.

VEJA AS FOTOS: